segunda-feira, 4 de maio de 2015

Gatas que viajam para LONDRES: Entrevista

Olá Gatas e Gatos,

Olha eu aqui de novo..rs.. com um dos nossos quadros exclusivos o GATAS QUE  VIAJAM, #Obaaaa, entrevistei uma amiga que esta morando em Londres, para ajudar vocês gatas e gatos que tem vontade, ou vão morar fora do país. Nossa gata entrevistada é a NAIANA, ela é Engenheira Ambiental, e mora a 1 ano e 2 meses em Londres, esta gata é corajosa com seus 27 anos vive experiências incríveis e veio contar tudinho para nós. Chega de blá blá blá e bora ver como é esta experiência!!! 




Gatas: Quando você decidiu que iria morar fora do pais? e qual o motivo?
Naiana: Eu não estava encontrando trabalho na minha profissão, então decidi vir para Londres estudar e obter uma experiência no exterior.


G: Por que escolheu londres para morar?
N: Tenho documento europeu, o que me permite entrar legalmente na Inglaterra. Em Londres há uma grande quantidade de escolas e muitas oportunidades de trabalho, sem contar que o acento do britânico é ótimo para entender e o inglês é mais "limpo".

G: Ao chegar na cidade qual foi sua maior dificuldade? e qual foi a maior alegria qdo pisou em londres?
N: Minha maior dificuldade foi sem dúvida o idioma, quando eu cheguei não falava praticamente nada de inglês, isso dificulta muito.
A maior alegria?!?! A primeira coisa que pensei quando cheguei foi... Uauuuu, que lugar lindo!!! Mesmo sendo uma cidade em tons de cinza, gelada, é linda e histórica...

G: Você pretende voltar para o Brasil?
N: As vezes penso em voltar às vezes não, a qualidade de vida em Londres não tem nem comparação com a do brasil, não me falta trabalho, posso viajar pela Europa em um final de semana gastando pouco, e tenho segurança.

G: Existe preconceito dos "gringos" por você ser Brasileira?
N: Não, não existe, pelo menos aqui em Londres nunca enfrentei nenhum preconceito por ser estrangeira, mas também não somos tão queridos assim, pois quando estamos aqui estamos tirando a oportunidade de trabalho de um inglês, e eles não gostam muito de estrangeiros por causa disso.

G: Você disse que não sabia falar inglês quando foi morar em Londres, conta para nós como você fez pra se virar? 
N: Quando cheguei na mesma semana procurei uma escola de inglês e comecei a estudar.

G: E a comida é gostosa?
N: A comida aqui é horrível. O feijão enlatado é doce, o famoso beens, e o prato mais popular é peixe com fritas (não sei por que). As frutas e vegetais vêm de fora, pois como aqui é muito frio não há tantas plantações.

G: O que você sente falta do BRASIL?
N: Sinto falta do calor e da praia

G: O que faria você voltar para o Brasil?
N: Somente minha família

G: Os homens europeus são mais bonitos que os Brasileiros?..rs
N: São!!!! (risos) Sem dúvida

G: O que você ama em Londres? e o que odeia?
N: Amo a cultura que se tem disponível e de graça, e odeio a comida

G: A temperatura de Londres é muito diferente do Brasil, como você lida com esta situação?
N: Sem dúvida..,, aqui é muuuuito frio.... O verão por aqui e de aproximadamente 2 semanas só, e quando fez 28 graus muitos foram parar no hospital. Aqui é sempre frio, estamos na primavera e hoje está 9 graus.

G: Ganha-se bem em Londres?
N: Sim... Ganha-se bem... Mas para isso não pode reclamar e tem que trabalhar... Pois aqui em Londres você ganha por hora... Mais horas... Mais dinheiro

G: Quais os lugares vocês já conheceu? Qual mais gostou? 
N: Estou tendo a oportunidade de conhecer vários lugares,  pois por aqui tudo acaba ficando perto e não é caro viajar (dependendo da época claro),  mas o lugar que eu mais gostei foi Edimburgo na Escócia, me apaixonei, é um lugar que eu voltaria novamente sem dúvida, ou moraria talvez, por que não?!?! 

G: Para nossos leitores que querem morar fora do pais qual a dica de ouro que você dá para eles?
N:Aprenda o idioma pelo menos um pouco, pois se você não falar nada, tudo fica difícil, até para achar trabalho. E se você trabalha no Brasil e acha que vai vir aqui e ser a mesma coisa, esta super errado, nossos diplomas no Brasil não servem aqui, mas um dia podem valer.  Aqui você começa tudo de novo, aprende o idioma e tem trabalho ruim. Se você não quiser colocar a "cara a tapa" e iniciar sua vida novamente não se arrisque.

G:Você aconselha nossos leitores a morar fora do país?
N: Acho uma ótima oportunidade, eu cresci muito como pessoa, aprendi a me virar, abri minha mente, se tiver a oportunidade acho sim que seria uma boa ideia.

G: Quais os passos para sair do país, com o intuito de ir morar e quanto tempo pode ficar no outro país?
N: Bom não sei (risos) eu tenho passaporte europeu então só comprei a passagem e vim, mas a vida ilegal por aqui não é tão fácil, mas muitos se dão bem. Compensa vir e pegar um visto de estudo ou trabalho. É difícil pelo que ouvi falar mas não impossível.

G: Deixe um recado para nossos leitores que sonham morar fora do país:
N: Um sonho que vale a pena, mas tem que ser forte, pois aqui é outro idioma, outra cultura, educação, valores. E você tem que se submeter a algumas coisas que você nunca se submeteria no Brasil (trabalhos ruim e operacionais como limpeza e produção de fábrica, auxiliar de cozinha), mas com o idioma e força de vontade você consegue sim alcançar objetivos maiores

G: Perguntas rápidas

Me sinto uma londrina quando .... Falo que o tempo está até quente, sendo que são 14 graus kkk

Me sinto Brasileira quando... Entro no metrô sem esperar as pessoas desembarcarem kkkk, Aqui todo mundo respeita muito as regras e os outros.



Aprendi em Londres... A me virar, e a fazer mímica para falar algo quando eu não sei falar kkk minhas expressões melhoraram significantemente.

Amo estar em Londres porque...Porque tenho oportunidades de conhecer lugares que eu nunca teria no Brasil. 

Bom gatas e gatos espero que tenham gostado na entrevista, e tenha sanado suas dúvidas. E gata amiga Naiana eu te agradeço por aceitar meu convite de participar do nosso Blog, com certeza foi muito proveitoso suas informações, admiro sua coragem, garra, força e determinação, desejo os melhores sentimentos do mundo nesta sua experiência. 

Um super beijo para vocês e para minha amiga Naiana!